Água desmineralizada: o que saber antes de comprar

Gabriela Hipólito Água, água para cosméticos Leave a Comment

Para início de discussão, precisamos entender se há alguma diferença entre água destilada e água desmineralizada.

A água destilada e a água desmineralizada têm basicamente a mesma característica final, ou seja, a ausência de minerais dissolvidos. Porém, não podemos afirmar que são iguais, uma vez que os processos para obtenção delas são diferentes.

Obtém-se água destilada por meio de um processo de separação de substâncias. Ou seja, a água é aquecida a certa temperatura até que se inicie a sua vaporização. Depois, esse vapor será condensado, fazendo com que ela retorne ao seu estado líquido.

No caso da água desmineralizada, utiliza-se um processo de desmineralização via adsorção dos minerais por resinas de troca iônica, os desmineralizadores, ou então, por sistemas de osmose reversa, em que os minerais ficam retidos na membrana da osmose.

Quer entender as melhores formas de utilização desse tipo de água pura e sua aplicação em diferentes segmentos, como em consultórios odontológicos ou na ARLA 32? Então leia este artigo até o fim.

O que é água desmineralizada?

Diferentemente da água potável, a água desmineralizada não tem certos componentes químicos.

Cálcio, magnésio, potássio e ferro são alguns dos minerais eliminados no processo de destilação da água. Daí é que vem o nome “água desmineralizada”.

Apesar de pura, ela não é indicada para consumo ou preparo de alimentos. Não há riscos de envenenamento, mas a água desmineralizada não hidrata como a água mineral, por exemplo.

Além disso, os minerais presentes na água potável são de extrema importância para o corpo humano. Essas substâncias ajudam a manter em equilíbrio o funcionamento do corpo.

Para que serve a água desmineralizada?

O uso mais indicado para este tipo de água é na preparação de medicamentos e em seu uso laboratorial nas indústrias, laboratórios farmacêuticos, além da produção de cosméticos.

Bastante utilizada como solvente ou reagente, a água desmineralizada permite resultados melhores em pesquisas e experiências, por não conter minerais que possam interferir na formulação química pretendida.

Água desmineralizada para consultórios odontológicos

A esterilização correta dos utensílios de um consultório odontológico é um dos fatores cruciais para a saúde dos pacientes.

Poucos dentistas param para pensar sobre isso, mas o sucesso dos tratamentos e a garantia de durabilidade e bom funcionamento dos aparelhos passa pela escolha de água desmineralizada de boa procedência e qualidade.

A relação entre o uso de autoclaves, água desmineralizada e a esterilização efetiva de equipamentos é um bom exemplo de como esse tipo de água de qualidade é indispensável em consultórios.

O uso desse tipo de água no âmbito da saúde também vai além dos consultórios odontológicos.

Ela atinge diferentes tipos de tratamentos e procedimentos  médicos, devido à sua pureza. Um exemplo disso é o uso da água desmineralizada em hemodiálises e em tratamentos pós-cirúrgicos.

ARLA 32 e água desmineralizada

O ARLA 32 é um reagente à base de ureia utilizado para reduzir a quantidade de óxido de nitrogênio emitido por sistemas de escapamentos de ônibus e caminhões. A diluição desse reagente é feito em água desmineralizada.

Sua utilização é um grande avanço para a preservação do meio ambiente, uma vez que os gases amenizados pelo ARLA 32 agridem a camada de ozônio e geram desconfortos respiratórios.

O produto é de uso obrigatório no Brasil, desde janeiro de 2012, para todos os veículos a diesel com motor EURO V. O ARLA 32 é usado diretamente nos escapamentos de ônibus e caminhões SCR.

Os veículos que devem cumprir essa exigência já são vendidos com o recipiente para depósito da solução de ureia e a reposição do fluido pode ser feita em postos de gasolina ou com um mecânico de confiança.

Água desmineralizada para fabricação de cosméticos

Outra utilidade para a água em questão é no ramo da produção de cosméticos. De xampus a bases para a pele, a água desmineralizada, quando utilizada na fabricação de cosméticos, pode potencializar bastante a qualidade do produto.

José Paschoal Rossetti Filho, professor de cosmetologia e diretor de pesquisa e desenvolvimento do Instituto Mezzo de Cosmetologia e Estética, afirma que a qualidade da água utilizada em cosméticos é mais importante que os próprios ativos presentes na composição do produto final.

A água desmineralizada tem pH neutro, o que, além de potencializar os resultados dos tratamentos cosméticos, garante peles e cabelos mais saudáveis e hidratados. A presença de alguns dos minerais, como o cálcio contido na água potável, ressecam cabelos e pele.

Agora, você já sabe bem o que é a água desmineralizada e qual o processo para produzi-la. Além disso, ampliou sua percepção sobre os vários tipos de uso dessa água, como para a fabricação de ARLA 32 e o uso obrigatório e essencial na produção de cosméticos de qualidade.

Exatamente por percebermos essa importância da água desmineralizada no ramo da cosmética, criamos um guia da qualidade da água neste tipo de indústria para falarmos um pouco mais sobre os atributos e modos de utilização da água pura nesse meio. Que tal conhecer agora?